Pensamento recorrente

Ainda na graduação, minha professora Cristiane Salvino comentou sobre textos autênticos em uma mini palestra de fim de tarde. Desde então, essa ideia ficou fixa em minha mente!

Daí o tempo passou e eu cheguei à pós graduação! Conheci a professora Cláudia Farias e ela me ensinou uma nova nomenclatura para esse tipo de textos: TEXTOS ORIGINAIS. Na hora fiquei meio chocada visto que a outra nomenclatura estava enraizada em minha mente e prática de ensino, mas depois de algum tempo de ponderação cheguei à conclusão de que os temos não são excludentes e sim complementares.

Disso tudo tiro que como professora devo, de fato, oferecer aos meus alunos o melhor em questão de apredizado.  Só que para muitos isso requer muito trabalho! Daí eu me pergunto: Queremos que nossos alunos aprendem uma língua autêntica ou uma língua criada para fins puramente comerciais? #Ficadica

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s